Dezembro

Chegou dezembro mais uma vez. Tenho a impressão de que o sol brilha mais forte (ou sou eu que tenho mais tempo de olhar o sol? Tanto faz). Em dezembro há mais sorrisos nas ruas. As pessoas andam de um lado para o outro e parecem não ter direção, e isso não é ruim, pois no fim elas se encontram. Em dezembro tem mais abraços, mais amigos, mais presentes, mais sorrisos. Meu coração sorri também. Acabou o agito dos carros e das fumaças da cidade. Tudo fica mais bonito, com um brilho diferente. Como se o a brisa viesse carregada de saudade e de paz. Os anjos brincam de fazer desenhos com as nuvens no céu. Uma flor pequena brota perto da calçada, mas ninguém a vê. É um ciclo que chega ao fim. Ou começa outra vez? As luzes coloridas na cidade me dizem que tudo deveria estar feliz. Os familiares de longe vêm e se abraçam. Os passarinhos fizeram ninhos na árvores perto da minha casa. O vento me traz lembranças antigas. É dezembro mais uma vez, chegando com seu vento leve, com seu sol brilhando forte no céu de nuvens limpas, com suas luzes, suas flores e, principalmente, com suas lembranças.

Pedro Araújo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s