Uma carta para aquele que já foi…

Caro amigo,

      Há quanto tempo não nos falamos, o que aconteceu que nos separou tanto? Lembro-me da época que sentávamos no banquinho da praça e conversávamos da maior besteira ao assunto mais sério, que quando estava ao seu lado os problemas não pareciam grandes demais, eu me sentia segura. Agora que você se foi muita coisa mudou, não tenho mais meu confidente, não tenho a quem contar meus anseios, nem segredos, não tenho mais a confiança que você me passava. Ainda me pergunto porque você se foi. Chorei por dias e ainda choro quando a saudade aperta no peito. Desespero-me ao saber que não te verei e não sentirei seu toque de encorajamento no meu ombro.

Não sei se sou feliz, eu tento pela mamãe, mas é difícil, não sei porque você se foi.

Já te escrevi inúmeras vezes, mas nenhuma resposta. Por que nenhuma resposta? Por onde você anda? Se alguma vez, meu amigo, te magoei, desculpe-me. Tudo que eu sempre fiz foi querer o seu bem, mas acho que não foi o bastante. Eu sei que éramos felizes e oro pelo impossível, que algum dia você volte para mim.

Susanna Albuquerque

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s