Miragem

Para Sanmara Alcantara

Quando foi que eu me perdi na tua miragem?
Quando foi que a tua face iluminou os meus desejos?
Fazendo de mim refém das tuas vontades
Despertando sentimentos que mantive em segredo

Como foi que não percebi tua voz se instalando
Nos meus pensamentos, nos meus anseios?
Quando me dei conta de que você está na minha mente o tempo inteiro?
Quando foi que teu corpo me deixou essa saudade?
Quando foi que tiraste o véu dos meus medos?

Quando foi que me dei conta dos meus sentimentos?
De que sou louco até pelos teus defeitos
De que eu te quero tanto, quero teu cheiro
Te ouvir suspirando, provar do teu beijo

E mesmo que não saibamos o que sentimos ao certo
E que seja incerto o nosso jeito de amar
Ainda que eu não entenda como chegamos aqui
É com você, sempre você, que eu quero ficar.

 

Pedro Araújo

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s